Os maníacos da propina

quarta-feira, outubro 18, 2017



O juiz federal Sérgio Moro, entrevistado por Gerson Camarotti, na GloboNews, comparou os corruptos presos pela Lava Jato aos assassinos em série: "Aqui podemos fazer uma comparação com uma situação que vemos muito no cinema: casos de serial killers. Não vai esperar ele ser preso até o fim do julgamento para que haja uma nova vítima".

Há "operação abafa", como diz Barroso? 

Moro: Sempre há quem tente..., mas até o momento nada muito efetivo foi conseguido contra investigações.

Moro: É preciso tomar cuidado com propostas que querem eliminar a delação, não aprimorá-la. Proibir delação de preso limita direito de defesa.


Voce pode ler também

0 comentários