Pio marca no fim, Ceará empata com Figueirense e amplia sequência sem derrotas na Série B

sábado, outubro 21, 2017


Vovô ficou no empate com o Figueirense pelo placar de 2 a 2


Pio marcou o gol salvador do Ceará (Fotos: Julio Caesar/O POVO Online)



O Ceará Sporting Club ampliou para oito a sequência de jogos sem derrota na Série B. Na noite desta sexta-feira (20/10), no Castelão, o Vovô ficou no empate com o Figueirense Futebol Clube pelo placar de 2 a 2, mas pela condição do jogo o resultado teve sabor de vitória. A alvinegro cearense perdia até o último minuto de jogo, quando Pio, que entrou no segundo tempo, acertou uma cobrança de falta de muito longe e evitou um resultado que seria desastroso, já que os dois próximos confrontos do Ceará Sporting Club serão fora de casa, contra dois adversários que miram acesso. O resultado deixa o Vovô momentaneamente na vice-liderança, pelo menos até o complemento da rodada, no sábado.

O Jogo

O susto que o torcedor do Ceará tomou logo aos 3 minutos de jogo, quando Dudu Vieira puxou contra-ataque, invadiu a grande área alvinegra pela direita e bateu cruzado para abrir o placar passou dois minutos depois, quando Lima aproveitou o corte mal feito da zaga do Figueirense, após cobrança de falta de Ricardinho, e quase sem ângulo na pequena área bateu forte para empatar. O ritmo frenético dos dez minutos iniciais gerou uma expectativa de fortes emoções para o duelo, mas as duas equipes tiveram poucas chances de gol no restante do primeiro tempo. 

Enquanto o Vovô apresentava dificuldades no último toque de bola e algumas vezes certo preciosismo em finalizar, como Lima, por exemplo, o Figueirense aguardava espaços cedidos pelo adversário para atacar e quando tinha a bola apostava em algumas bolas longas ou cruzamentos. O excesso de jogadores do time catarinense no meio atrapalhava a criação do Ceará, que ainda tinha Ricardinho em noite não tão inspirada. A solução estava em atacar pelos lados e na segunda etapa Leandro Carvalho explorou bem o lado direito, com velocidade, imprimindo ofensividade por parte do alvinegro cearense. Na melhor jogada que construiu, arriscou chute de fora da área, obrigando o goleiro Saulo a fazer grande defesa.

Os lances de bola parada, muitas vezes com jogadas ensaiadas, também foram opções do Ceará para tirar a igualdade do placar, mas sem sucesso. A pedido do torcedor, Chamusca lançou Magno Alves à campo no lugar de Eton, mas assim como o companheiro de clube, o ídolo pouco ajudou. A estratégia do Figueirense seguiu a mesma, esperando o Ceará sair e ceder espaço e numa das investidas dos catarinenses, Joãozinho rolou da direita para Dudu Vieira, que de fora da área encheu o pé e fez o segundo dele no jogo.

Muitos torcedores já tinham ido embora, acreditando que o jogo tinha acabado e não viram Pio, que entrou no lugar de Cametá, acertar uma cobrança de falta no último lance da partida e igualar o placar. Quem ficou no estádio foi à loucura e a partida terminou com um pedido aos berros: "Volta Vozão para a primeira divisão". 


Fonte: O POVO Online

Voce pode ler também

0 comentários