Lei da Ficha Limpa traz paradoxo sobre vontade popular nas eleições

segunda-feira, janeiro 01, 2018




Se por um lado é aceitável dizer que o direito existe para harmonizar relações e superar conflitos, nem por isso se pode afirmar que isso sempre ocorra com sucesso. Não são raras as situações em que a complexidade e o dinamismo do convívio social impõem desafios aparentemente insuperáveis. Não se trata apenas de lacunas da lei – "brechas" como se costuma dizer em linguagem menos técnica.

Se e quando isso ocorre, há formas de buscar no sistema – justamente porque ele se caracteriza como tal – soluções a partir da analogia, dos costumes e dos princípios gerais do direito. Ainda assim, há situações desafiadoras que, em última análise, revelam a grande dificuldade do direito para superar as contradições internas do organismo a que se dirige.
 
 

Voce pode ler também

0 comentários