Pela 1ª vez, exportações do Ceará superam US$ 2 bilhões

sexta-feira, janeiro 05, 2018

Foto: Natinho Rodrigues

A balança comercial do Estado ficou negativa em US$ 140,4,mas foi o melhor resultado em mais de uma década


Com o impacto do primeiro ano completo de atividades da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), as exportações cearenses cresceram 62,4% em 2017 ante o ano anterior e atingiram o patamar de US$ 2,1 bilhões, o maior valor da história do Estado. Somente com a exportação de produtos semimanufaturados de ferro ou aço foi movimentado US$ 1,03 bilhão no período, o equivalente a 49% de todo o volume exportado pelo Ceará no ano passado.

Conforme os dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, a balança comercial do Estado ainda encerrou o ano negativa, com um déficit de US$ 140,4 milhões, mas foi o melhor desempenho registrado em mais de uma década - desde 2006, quando as importações cearenses superaram as exportações em US$ 136,3 milhões. A última vez que o saldo da balança comercial do Ceará foi positivo foi em 2005 (US$ 345,1 milhões).

Na avaliação do economista Alex Araújo, os resultados demonstram uma reconfiguração da balança comercial do Estado. "O Ceará já tinha uma tradição exportadora, como a carnaúba nos anos 80 e 90. Depois começou a exportar manufaturados, principalmente calçados e vestuário, mas esse mercado foi muito impactado pelos produtos da China. Com a Siderúrgica, há um novo impulso importante, mas é uma pauta muito especializada", explica.

Voce pode ler também

0 comentários