Foi a defesa de Lula

quarta-feira, fevereiro 28, 2018


Foi a defesa de Lula que pediu – e Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), concedeu– o adiamento do julgamento do pedido de habeas corpus do ex-presidente, informa o Estadão.

Segundo o jornal, o motivo é que Sepúlveda Pertence, que faria a sustentação oral, teve um problema de saúde que o impediria de comparecer ao STJ na quinta-feira (01/03).

Voce pode ler também

0 comentários