Intervenção: PT sentiu a tacada certeira de Temer

sexta-feira, fevereiro 23, 2018



Integrantes de partidos da base de Michel Temer que veem com desconfiança qualquer tentativa de o presidente melhorar sua avaliação ficaram convencidos de que ele deu uma tacada certeira com a intervenção federal do Rio de Janeiro ao verem a reação dos petistas.

A repercussão da ação acendeu uma luz amarela no PT. A pedido do ex-presidente LulaFernando Haddad, coordenador do programa de governo da sigla, se debruçará na formulação de propostas de combate ao crime e à violência até o início da caravana pelo Sul.

Já o ministro da Fazenda Henrique Meirelles decidiu acenar com clareza para a sucessão presidencial em um gesto calculado. O raciocínio é simples: enquanto o presidente Michel Temer não disser com todas as letras que será candidato à reeleição, ele vai se colocar como postulante ao Palácio do Planalto.

Voce pode ler também

0 comentários