Moro condena Mariano Marcondes a 10 anos de prisão

segunda-feira, março 05, 2018



O juíz federal Sérgio Moro condenou o empresário Mariano Marcondes Ferraz a 10 anos e 4 meses de cadeia por lavagem de dinheiro e corrupção ativa. Mariano também terá de devolver à Petrobras 868 mil dólares, valor referente ao pagamento de propina a Paulo Roberto Costa em troca de benefícios para a empresa Decal Brasil. Em depoimento a Moro, em outubro do ano passado, Mariano disse que a Lava Jato representou um "alívio" para empresários que tinham negócios com a estatal.

Voce pode ler também

0 comentários