Ministros vão retaliar MPF dando poder à PF

terça-feira, maio 01, 2018


Um dos argumentos que será usado por ministros do Supremo Tribunal Federal para defender que a Polícia Federal - PF faça delação premiada é que a medida enfraquece o poder do Ministério Público Federal - MPF, detentor da prerrogativa.

O tema, que deve ser pautado em breve pela ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha, começou a ser julgado em dezembro de 2017, mas foi adiado porque os ministros Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski estavam ausentes. Na ocasião, a maioria votou a favor das polícias firmarem acordos de colaboração, mas divergiram sobre o aval do Ministério Público Federal - MPF para a homologação.


Voce pode ler também

0 comentários