TCU vai vetar prorrogação de contratos nos Portos

domingo, junho 24, 2018



A área técnica do Tribunal de Contas da União - TCU concluiu o relatório de fiscalização do Decreto dos Portos. O documento, ao qual a Coluna teve acesso, não aponta direcionamento para atender uma empresa específica. A Polícia Federal - PF investiga se o decreto foi editado pelo presidente Michel Temer em troca de propina de empresas que atuam no Porto de Santos.

Os técnicos encontraram, contudo, indícios de ilegalidade na permissão para que os contratos de arrendamento portuário sejam prorrogados por 70 anos e recomendam que a medida seja proibida.Ministros do Tribunal de Contas da União - TCU consideraram o relatório da área técnica muito leve e devem propor maior rigor em alguns pontos. O julgamento está marcado para a próxima terça. O documento será compartilhado com a Polícia Federal - PF.

Voce pode ler também

0 comentários