Atentados chegam ao terceiro dia com 14 ônibus e 8 prédios atacados

segunda-feira, julho 30, 2018


Um traficante do Conjunto Alvorada, que está preso, teria deflagrado a ordem de iniciar os incêndios


Uma agência do banco Itaú, no bairro Edson Queiroz, e outros sete prédios foram alvo do grupo criminoso, de sexta-feira até a noite de ontem. A sequência de ataques contra coletivos e prédios públicos e privados já dura três dias, na Capital e Região Metropolitana. Pelo menos 14 ônibus e oito imóveis foram alvo das ações criminosas, entre a noite de sexta-feira (27/07) e 22:00 horas de ontem. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a sequência de ocorrências acontece em represália à morte de três criminosos, durante um confronto com a Polícia Civil. 

Um traficante do Conjunto Alvorada teria dado a ordem para os ataques serem deflagrados. Conforme um policial lotado em uma célula de Inteligência da SSPDS, o criminoso ligado ao Comando Vermelho, que comanda o Conjunto Alvorada, e está preso, seria próximo de Valcinei Nobre dos Santos, o 'Gangão'; José Sílvio dos Santos Vieira, o 'Silveira'; e Francisco Adriano Martins da Silva, o 'Macumbeiro', que tombaram mortos em um tiroteio, na zona rural de Amontada, na quinta-feira (26/07).

Voce pode ler também

0 comentários