Cármen Lúcia pede que Senado declare perda do mandato de Cassol

sexta-feira, agosto 03, 2018



 
 
A ministra e presidente do STF Cármen Lúcia Antunes Rocha ordenou na quinta-feira (02/08), o início do cumprimento da pena de Ivo Cassol, de prestação de serviços à comunidade, e pediu ao Senado que "declare a perda do mandato eletivo" do parlamentar, informa o G1. Cassol, do Progressistas de Rondônia, foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal - STF em 2013 por fraude em licitações quando era prefeito de Rolim de Moura.
A pena, de quatro anos e oito meses de prisão, foi convertida em prestação de serviços à comunidade e multa de R$ 201 mil. O G1 explica que, apesar de o senador ter sido condenado em 2013, a pena não foi iniciada em razão de diversos recursos pendentes. Em junho, a PGR pediu a execução imediata da pena, e agora a presidente do Supremo decidiu.
 

Voce pode ler também

0 comentários