Inadimplência cresceu 4,31% em julho de 2018, aponta levantamento

quinta-feira, agosto 09, 2018



A atual situação econômica vem desafiando as famílias brasileiras. Ao encontrar dificuldades em equilibrar o orçamento, muitos acumulam contas em atraso e acabam por ingressar em cadastros de devedores. Segundo dados da CNDL - Confederação Nacional De Dirigentes Lojistas e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), o volume de consumidores com restrição no CPF cresceu 4,31% na comparação entre julho de 2018 e o mesmo período do ano anterior. Ao todo, o país fechou o mês passado com 63,4 milhões de negativados. Esse número representa 41% da população adulta.

Voce pode ler também

0 comentários