Bolsonaro diz que pena de morte não será debatida em seu governo

domingo, dezembro 16, 2018



O presidente eleito, Jair Messias Bolsonaro, disse neste domingo (16/12), em sua conta no Twitter, que o tema pena de morte não será debatido em seu governo. A afirmação foi feita após a publicação de reportagem pelo jornal O Globo de hoje com o deputado federal reeleito Eduardo Bolsonaro (PSL/SP). Segundo a matéria, o filho do presidente eleito defendeu "a possibilidade de pena de morte para traficantes de drogas, a exemplo do que ocorre na Indonésia, e para autores de crimes hediondos".

"Em destaque no jornal O Globo de hoje informou que, em meu governo, o assunto pena de morte será motivo de debate. Além de tratar-se de cláusula pétrea da Constituição, não fez parte de minha campanha. Assunto encerrado antes que tornem isso um dos escarcéus propositais diários", escreveu Jair Messias Bolsonaro em sua postagem.

Voce pode ler também

0 comentários