Miliciano preso hoje é suspeito da morte de Marielle, diz Witzel

terça-feira, janeiro 22, 2019

Imagem do Google - Divulgação -


No Twitter, o governador Wilson Witzel afirmou que um dos milicianos presos na manhã desta terça-feira (22/01), na operação Os Intocáveis, da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro com o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro - MPRJ, Renato Nascimento Santos é suspeito de ter matado Marielle Franco.

O governador do Rio não deu detalhes, e o Ministério Público não confirmou se apenas um dos presos teria ligação com o assassinato da vereadora do PSOL 50, no ano passado.


Voce pode ler também

0 comentários