Ministro Sergio Moro autorizou intensificar as investigações sobre Adelio Bispo

segunda-feira, fevereiro 11, 2019




Após o atentado na tarde de 06 de setembro de 2018 em Minas Gerais, que quase tirou a vida do presidente do Brasil Jair Messias Bolsonaro, as investigações sobre o atentado foram pouco ou nada elucidativas, e restam muitas perguntas sobre a existência de cúmplices, mandantes e até mesmo sobre quem pagou os advogados que viajavam de jato. 

O advogado de Adélio Bispo, inclusive, já foi alvo da Polícia Federal - PF em mandados de busca e apreensão, e já precisou depor. Agora, com 5 meses do atentado, o Brasil clama por uma resposta.

Voce pode ler também

0 comentários